sexta-feira, 12 de setembro de 2008

O silêncio...

Pois bem, ele contagia. Ou deveria contagiar...
Aprendo.
Muitos dias de silêncio aqui no blog.
Motivos para falar? Para argumentar? Muitos.
Nenhuma palavra? Nem ao menos uma.
Reflito. Tenho visto e ouvido muita coisa ser dita e escrita. Muita coisa mesmo. Emito opiniões? Sim. Mas acima de tudo, observo.
Meu amigo aniversariante ainda ontem reclamou dos "nóses", do blog desatualizado. Daia também exigiu novas linhas. Ela bem sabe do meu aprendizado. Do que quase foi escrito. Eu agradeço o apelo por reflexão. Aprendo que nem tudo pode ser dito. Aprendo também que nem tudo que é dito reflete transparência. Aprendo que um filtro pode ser importante.
Mas entro em contradição com as minhas maiores bandeiras: Verdade, sinceridade, transparência.
Se não posso dizer o que penso, vou dizer o que?
Mas aí entra a bandeira mór: Respeito. Tenho. E gostaria de me sentir respeitada também.
Não quero escrever só porque algumas pessoas dizem que escrevo bem. Até porque minha auto-critica questiona isto muitas vezes. Quero escrever para mim, para me expressar, para me entender, e entender-te.
Voilá...
Neste hiato silencioso encontrei uma personagem que muito povoou minha vida. E em suas tiras, charges, etc, encontro resumos do que se passa por estes loiros neurônios...
Deixo-os com ela, a irreverente Mafalda de Quino e seus questionamentos arrebatadores... em conta-gotas. Questionamentos inocentes que tem me feito pensar além...
E sem deixar em brancas nuvens, neste post "silencioso", uma grande salva de palmas ao aniversariante do dia: Parabéns Marquito! Boas músicas, boas aulas, boas Artes pra ti sempre! Clap, clap, clap's mil's!


see you...

Um comentário:

Marcos Chaves disse...

Opa, atualização!! Êba!! First, obrigado pelas boas vibrações na sexta... Sou um virginiano que adoooora aniversário, hehehe! Second, boas reflexões. O silêncio faz bem, é música também! Mas não deixe os ávidos leitores do teu blog sem nada!! É muito bom ver as reflexões desta loira Lucinha!! Como pensamos algumas coisas de forma parecida, as vezes leio aqui algo que pensei e não interpretei! Silêncio é bom, mas palavras também!! Sempre que quiser dividir algo, sou um carinha que você pode contar, viu? Beijos mil e bom retorno no blog!